SISAM 

O SISAM é um a ferramenta de análise de dados ambientais cujo o escopo principal é compor um sistema de informação que auxilie no programa de saúde.

De modo  que combina o monitoramento de focos de queimadas, as estimativas das emissões de queimadas, emissões urbanas e indústrias e uma base de dados meteorológicos.

 

Limites de Qualidade do Ar 

O Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) pela Resolução n°03 de 28/06/1990 estabeleceu padrões de qualidade do ar, de modo que, concentrações de poluentes atmosféricos que, ultrapassarem os limites, poderão afetar a saúde, a segurança e o bem-estar da população, bem como ocasionar danos à flora e à fauna, aos materiais e ao meio ambiente em geral.

Para partículas inaláveis finas, por exemplo, o padrão de qualidade do ar estabelecido foi o seguinte critério:

  • concentração média de 24 horas de 150 (cento e cinqüenta) microgramas por metro cúbico de ar, que não deve ser excedida mais de uma vez por ano.

Adicionalmente, ficaram estabelecidos os Níveis de Atenção, Alerta e Emergência para a concentrações de poluentes na atmosfera, entre eles a concentração das partículas inaláveis finas:

  • O Nível de Atenção será declarado quando, prevendo-se a manutenção das emissões, bem como condições meteorológicas desfavoráveis à dispersão dos poluentes nas 24 (vinte e quatro) horas subseqüentes, for atingida concentração de partículas inaláveis, média de 24 (vinte e quatro) horas, de 250 (duzentos e cinqüenta) microgramas por metro cúbico;
  • O Nível de Alerta será declarado quando, prevendo-se a manutenção das emissões, bem como condições meteorológicas desfavoráveis à dispersão de poluentes nas 24 (vinte e quatro) horas subseqüentes, for atingida concentração de partículas inaláveis, média de 24 (vinte e quatro) horas, de 420 (quatrocentos e vinte) microgramas por metro cúbico;
  • O nível de Emergência será declarado quando prevendo-se a manutenção das emissões, bem como condições meteorológicas desfavoráveis à dispersão dos poluentes nas 24 (vinte e quatro) horas subseqüentes, for atingida for atingida a concentração de partículas inaláveis, média de 24 (vinte e quatro) horas, de 500 (quinhentos) microgramas por metro cúbico;

 


 

 Mídia

Inúmeras reportagens e publicações são divulgados na mídia  sobre os impactos das queimadas na saúde ambiental.

Exemplo de algumas das principais matérias na mídia em 2016:

Principais matérias sobre saúde & queimadas