Fale Conosco
:: Sexta-feira, 28 de Abril de 2017  
A A A





Valid XHTML 1.0 Strict  CSS válido!
Meteorologia

Linhas de Pesquisa

As Linhas de Pesquisa em que atuam os Docentes do Curso de Pós-Graduação em Meteorologia são:



Estudos e Modelagem do Tempo:

Desenvolver estudos:

• Em modelos dinâmicos, com emprego de técnicas numéricas variadas, como ferramenta na simulação de fenômenos geofísicos, inclusive para problemas de camada limite, previsão de tempo e em técnicas de assimilação de dados;
• Do comportamento dinâmico da circulação atmosférica nas escalas global, sinótica e de meso-escala, dentro do contexto das equações fundamentais de conservação de momentum, de energia e de massa, e dos processos termodinâmicos responsáveis pelo desenvolvimento dos sistemas de tempo;
• Dos processos físicos que governam a gênesis, manutenção e controles locais dos sistemas sinóticos e de meso-escala, visando o estabelecimento de modelos conceituais para aplicações em previsão de tempo, estabelecimento de parametrizações e aumento dos índices de acerto das previsões subjetivas de tempo.


Estudos e Modelagem do Clima:

Desenvolver estudos:

• Observacionais e/ou com modelos climáticos, para caracterizar as anomalias climáticas regionais e globais e também os processos controladores do clima global, assim como de sua variabilidade em várias escalas de tempo;
• Sobre mudanças climáticas globais e sua aplicação regional, incluindo deteção, atribuição de causas físicas, avaliações de impactos e fornecer bases para estudos e análise de vulnerabilidade à mudanças climáticas;
• Paleoclima e mudanças climáticas em tempo passado, usando modelos e indicadores de clima;
• Em modelos climáticos mecanísticos, dinâmicos (regionais e globais) e estatísticos, tanto no seu estabelecimento quanto na sua performance nas previsões sazonal e interanual do clima, com fins operacionais e de pesquisa.


Sensoriamento Remoto da Atmosfera:

Desenvolver:

• Pesquisa aplicada à utilização de dados obtidos e/ou transmitidos por satélites e/ou radar para extração de informações meteorológicas, hidrometeorológicas, oceanográficas, ambientais, agrometeorológicas, de radiação na atmosfera e para monitoramento ambiental e do tempo;
• Estudos na área de tele-detecção de sistemas atmosféricos e ambientais;
• Pesquisa orientada ao estudo da propagação de radiação no sistema terra-atmosfera.


Interação Oceano-Atmosfera:

Desenvolver estudos:

• Observacionais, teóricos e de simulação numérica dos fenômenos interativos entre atmosfera e oceanos, nas escalas temporais de tempo e clima (sazonal, anual e decadal) e de sua variabilidade;
• Na área de simulação numérica dos oceanos em escala espacial global e regional, para fins de acoplamento com a atmosfera e conhecimento do estado do mar;
• Na área de simulação de ondas oceânicas em escala global, regional e costeira e suas interações com a atmosfera;
• Dos processos dos ciclos de carbono em modelos acoplados oceano/atmosfera.


Interação Biosfera-Atmosfera:

Desenvolver estudos:

• Micro-meteorológicos dos processos de troca de energia, momentum e vapor d'água e de dióxido de carbono, que ocorrem na interface água-solo-vegetação-atmosfera, e da estrutura e característica da turbulência na camada limite atmosférica;
• Em modelagem da vegetação, hidrologia de superfície e emissões naturais da vegetação.


Meteorologia Ambiental:

Desenvolver estudos observacionais e de modelagem em:

• Poluição ambiental, dispersão de poluentes, emissões por fontes naturais (biogênica e marinha) e antrópicas (queimadas, veicular, industriais) e deposições;
• Previsão de impactos ambientais e elaboração de cenários em ecossistemas do território brasileiro;
• Atividade antrópica como forçante sobre os ecossistemas e agente de desequilíbrio dos ciclos biogeoquímicos;
• Recursos energéticos e fontes renováveis de energias, principalmente solar e eólica;
• Tempo/Clima com aplicação em impactos ambientais.