Fale Conosco
:: Tera-feira, 30 de Maio de 2017
A A A









Valid XHTML 1.0 Strict  CSS vlido!

NanoSatC-BR2

O Projeto NANOSATC-BR2, microssatlite do Programa NANOSATC-BR, Desenvolvimento de CubeSats, em execuo no mbito do Convnio do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, atravs de sua subunidade o Centro Regional Sul de Pesquisas Espaciais com a Universidade Federal de Santa Maria - Convnio MCTI/INPE-UFSM e suas Parcerias no Estado, com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Instituto de Informtica, Grupo de Microeletrnica - UFRGS/II-GME e com a Santa Maria Design House - SMDH-UFSM. Parceria INPE/MCTI - UFSM, desde Janeiro de 2013, tem os seus dois microssatlites, CubeSats - 2U: (i) o seu Modelo de Voo (MV) na sala 10.000 do LIT/INPE-MCTI praticamente pronto para ser lanado, com planejamento para lanamento em 2016, estando faltando somente o desenvolvimento de suas Cargas teis: Cientfica & Tecnolgica; e (ii) o seu Modelo de Engenharia (ME) no LABSIM/ETE/INPE-MCTI, que esta sendo utilizado para uma gama de testes de seus Sistemas e Subsistemas, com a participao ativa de alunos de Graduao da UFSM, de seus alunos egressos hoje nas Ps-Graduaes do MCTI/INPE, MD/DCTA-ITA e UFRGS, de Professores da UFSM e da UFRGS, e de Pesquisadores e Tecnologistas do INPE/MCTI, sendo alguns deles ex-alunos egressos da UFSM que foram devidamente contratados pelo MCTI/INPE via concursos pblicos.

O MCTI como contrapartida oramentria do Instituto Nacional de pesquisas Espaciais, dos seus recursos pblicos oramentrios, no Projeto NANOSATC-BR2, investiu o valor de R$ 748.518,76, j liquidados em Janeiro 2013, aps o desembarao alfandegrio dos Sistemas de equipamentos adquiridos da ISIS-ISL, Delft, Holanda, sendo as duas Plataformas - CubeSats 2U do NANOSATC-BR2:

  • Modelo de Engenharia (ME) e Modelo de Voo (MV);
  • Estao Terrena de Rastreio e Controle de Microssatlite, denominada GS(INPE-ITA), que desde Dezembro de 2013, se encontra instalada, disponvel e operacional na cobertura do prdio sede do Curso de Engenharia Eletrnica do Instituto Tecnolgico da Aeronutica - ITA, que foi instalada no mbito da Parceria MCTI/INPE - MD/DCTA.

    Para a finalizao do NANOSATC-BR2, microssatlite - CubeSat 2U, do Projeto NANOSATC-BR2, que passa a ser tambm denominado pela sigla NCBR2, faz-se necessrio:

      -Finalizao do desenvolvimento das suas Cargas teis: Cientficas & Tecnolgicas para um segundo CubeSat nacional, o NANOSATC-BR2, desta vez um CubeSat 2U, onde uma de suas unidades (1U) ser destinada quase exclusivamente para as cargas teis (exceto por uma placa com bobinas de torque de atitude), o que d ao microssatlite muito mais possibilidades do que com o CubeSat 1U, o NANOSATC-BR1. As cargas teis do NANOSATC-BR2 esto em processo final de concepo, com algumas j em fase adiantada de desenvolvimento, que o Primeiro Sistema Nacional de Determinao de Atitude, Com Tripla Redundncia, com duas placas em padro CubeSat e utilizando os sensores solares da plataforma (alm de um magnetmetro prprio - igual ao usado pela plataforma para sua determinao de atitude) feito em cooperao pelo MCTI/INPE (Dr. Helio Kuga), UFMG (Dep. Eng Eletrnica - Dr. Ricardo Duarte) e UFABC (Dep. Eng Aeroespacial - Dr. Luiz Siqueira F);

      -para o NANOSATC-BR2 todo o software de bordo da plataforma ser desenvolvido no Brasil, atravs de Pesquisadores e Engenheiros do MCTI/INPE que j trabalham nesta rea (Determinao & Controle de Atitude e Gerenciamento de Dados) aproveitando a experincia do NANOSATC-BR1, com alunos da Graduao e egressos da UFSM e contratao de Pequenas Empresa Nacionais de Base Tecnolgica. As Leis de Controle para este software j foram desenvolvidas;

      -preparar a campanha de lanamento do NANOSATC-BR2;

      - contratar gestor internacional para efetuar o lanamento do NANOSATC-BR2;

      - efetuar o seu lanamento; e aps,

      - operar o NANOSATC-BR2 quando em orbita no espao.

  • Parceiros